Os trabalhadores do Comércio de Caxias do Sul e região aprovaram na noite de hoje, 29, a pauta de reivindicações da campanha salarial. O slogan deste ano “Respeite meus direitos. Valorize meu trabalho” busca a valorização e o reconhecimento do profissional comerciário.

Entre as 78 cláusulas apresentadas para o acordo coletivo está o reajuste de 8%, que inclui aumento real mais correção do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) da data. A data base da categoria comerciária é 1º de julho.

A avaliação da assembleia é que não se supera nenhuma crise com arrocho e retirada de direitos. O caminho deve ser a valorização da produção e do trabalho e a recuperação das perdas dos salários.

Para o presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio, Silvio Frasson, é necessário que além do salário digno, os trabalhadores tenham seus direitos assegurados. “Não é justo que os trabalhadores paguem pela crise e que este governo termine com o que temos hoje na CLT (Consolidação das Leis do Trabalho). Inclusive na mesa de negociação vamos continuar lutando pela garantia dos direitos sociais e trabalhistas”, destacou Frasson.

Dentre as cláusulas, os comerciários também lutam por mais: vale-alimentação, licença maternidade de 180 dias e creches, auxílio-estudante, fim do banco de horas, entre outros.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Sindicomerciários Caxias