Nesta terça-feira (10/10), o Fórum de Federações (FST) realizou reunião na Fecosul. Participaram integrantes de diversas federações e sindicatos de trabalhadores a fim de organizar evento que será realizado no próximo dia 20/10, na igreja da Pompéia.

O objetivo da atividade é chamar atenção da sociedade para os prejuízos trazidos pela reforma trabalhista e lançar o projeto de iniciativa popular pela revogação da Lei 13.467/17 – lei da reforma trabalhista. Para Guiomar Vidor, presidente da Fecosul e CTB-RS, o momento é de resistência e atitude. "Já debatemos bastante sobre a reforma trabalhista, buscando nos informar sobre as mudanças. Agora precisamos dar um novo passo. Precisamos de unidade e luta para barrarmos a aplicação desse pacote de maldades", reforça Vidor.

A atividade começa às 9h com participação do deputado federal Assis Melo, da juíza do trabalho no TRT 4ª R, Valdete Souto Severo, do procurador do MPT-RS e membro da CONALIS, Ricardo Wagner Garcia e do coordenador nacional do FST, Artur Bueno de Camargo. Após debate, o grupo percorrerá as principais ruas do centro de Porto Alegre.