Representantes de diversos Sindicomerciários filiados à Fecosul e à CTB-RS ocuparam, na manhã desta terça-feira (6), o aeroporto de Brasília, para denunciar a proposta de Reforma Trabalhista do governo, que retira direitos, prejudicando, ainda mais, a classe trabalhadora brasileira. Os dirigentes da região sul, que se somam a outros trabalhadores de diversas partes do país, estão em Brasília para acompanhar as votações no Senado e pressionar os parlamentares a votarem contra à Reforma Trabalhista.

Segundo o presidente da CTB Nacional, Adilson Araújo, o objetivo é barrar os retrocessos. "Somente com muita pressão vamos conseguir barrar o retrocesso. Também estaremos concentrados na porta do Senado Federal durante todo o dia de hoje", afirmou ele.



Texto: Fecosul com informações da CTB