Pra Frente Comerciário! Os comerciários buscam reajuste de 12% nos salários, piso mínimo decente, fim do banco de horas, licença maternidade de 180 dias, auxílio estudante, transporte gratuito, vale cultura, vale alimentação, descanso aos domingos e feriados, e salário igual para trabalho igual, porque as mulheres ainda tem salário médio quase 30% menor que o dos homens.